Maquete Eletrônica 3D agrega valor ao lançamento imobiliário

O que acha de se valer de uma maquete eletrônica 3D para impulsionar seu projeto imobiliário? Essa é uma prática interessante, sobretudo em lançamentos.

Quando os projetos ainda estão no papel, pode ser a melhor estratégia para apresentar seus detalhes ao público. E o melhor: permite fazer isso de maneira sofisticada, o que agrega valor ao próprio produto.

Se você pouco conhece sobre a maquete eletrônica 3D, este artigo vai trazer as respostas que você procura e muito mais.

Vamos explicar em que situações a tecnologia pode ser utilizada, suas principais vantagens, pontos de atenção e dicas para seu melhor aproveitamento.

Pronto para encantar clientes com a maquete eletrônica 3D? Boa leitura!


O QUE É A MAQUETE ELETRÔNICA 3D


Maquete eletrônica 3D (ou apenas maquete eletrônica) é uma construção tridimensional bastante utilizada para simular lançamentos imobiliários e projetos de arquitetura.

A partir de um software específico no computador, é possível criar e reproduzir ambientes internos e externos do que será o futuro imóvel.

Sua principal característica está na riqueza de detalhes, o que dá um ar bastante realístico à peça. Aspectos como cor, textura, volume, luz e espaços são trabalhados no formato virtual.

Além disso, a maquete eletrônica 3D pode ser manipulada de modo a visualizar detalhes do projeto.

Outro aspecto interessante é que ela é produzida para ser uma cópia fiel do projeto em si. Isso significa que o arquivo digital respeita plantas, fachadas, cortes e demais detalhes.

Dessa forma, engenheiros, arquitetos e especialmente possíveis compradores têm ali a representação do que virá a ser o lançamento imobiliário depois de construído.


QUANDO E POR QUE USAR UMA MAQUETE ELETRÔNICA 3D?


A maquete eletrônica 3D tem utilidades diversas, a começar por projetos imobiliários que só existem no papel.

É inegável que a maior vantagem dela se dá como argumento de venda, e isso surge ao criar uma expectativa positiva sobre o lançamento que está por vir.

Dessa forma, é possível fazer uso dela para:

  • Apresentar o projeto a potenciais clientes;

  • Atrair possíveis investidores;

  • Conseguir parceiros para a obra;

  • Realizar campanhas publicitárias sobre o futuro empreendimento;

  • Comercializar unidades.

Mas por que parar por aí?

Inclusive, vale considerar como estratégia usar imagens tridimensionais quando o espaço já pode ser visitado e fotografado. Isso é interessante se as fotos não conseguirem reproduzir o efeito desejado em um determinado ambiente.

Um bom exemplo está na fachada do empreendimento. Vale lembrar que, por vezes, há elementos à frente que atrapalham a obtenção de uma boa imagem, epara alcançar um resultado melhor, a maquete eletrônica pode ajudar.

Outra situação é quando não há no imóvel uma unidade já decorada para receber visitantes. Nesse caso, a tecnologia tridimensional surge como um complemento e a apresentação de um ambiente com decoração sofisticada pode ser ponto decisivo na decisão de compra ou não por parte do cliente.

Quer mais exemplos de uso da ferramenta?

Quem trabalha no projeto em si também pode se valer da maquete eletrônica 3D. Nesse caso, porém, o mais indicado é que a tecnologia seja utilizada para a definição de cores e detalhes de acabamento, por exemplo.

A ferramenta é muito importante também para arquitetos na apresentação de ideias para clientes (ou potenciais clientes). Nesse caso, a maior vantagem é conseguir fazer o cliente visualizar o layout de forma adequada, garantindo sua satisfação e aprovação do projeto.

Outro uso se dá em concorrências de projetos arquitetônicos, como concursos e licitações. Contar com uma maquete eletrônica 3D nessas situações é praticamente um pré-requisito para se manter no páreo.


PRINCIPAIS VANTAGENS DA MAQUETE TRIDIMENCIONAL


Ao chegar até aqui, você já deve ter observado que há boas razões para investir em uma maquete eletrônica 3D.

Mas para que não restem dúvidas, vamos relacionar agora algumas de suas principais vantagens. Confira!

  • Dá visibilidade a um projeto que só existe no papel;

  • Permite ao potencial cliente ou investidor compreender melhor o projeto;

  • Oferece detalhes precisos e com grande realismo;

  • Respeita o projeto arquitetônico estabelecido para o empreendimento;

  • É um diferencial da concorrência ou uma forma de não ficar atrás dela;

  • Assegura maior profissionalismo ao projeto;

  • Pode ser impressa em alta resolução para divulgações diversas.

PONTOS DE ATENÇÃO


Procure explorar o melhor que a ferramenta tem a lhe oferecer. Para isso, o primeiro passo é identificar como criar uma maquete eletrônica 3D pode ajudar em seus objetivos.

O importante é que o projeto tridimensional possa atendê-los plenamente, já que é capaz disso. Seja para uso em imóveis já prontos ou para futuros lançamentos, faça um investimento certeiro.

Além disso, lembre que a criação das ilustrações depende de um software específico e de conhecimento avançado.

Você atende tais pré-requisitos?


Como criar uma maquete eletrônica?


Para criar uma maquete eletrônica 3D, é imprescindível que haja domínio das ferramentas necessárias.

Como já dito, o trabalho é desenvolvido em computador, a partir de um software específico voltado à modelagem 3D e renderização.

Depois disso, ainda há uma etapa de pós-produção, na qual se trabalha a edição da imagem.

Existem diversos programas que podem ser utilizados em cada uma dessas etapas.

Usar os mais avançados, ainda que complexos, é recomendado para alcançar as melhores imagens.

No entanto, ainda que você tenha habilidade com o programa, pode ainda ser mais recomendado deixar o projeto tridimensional na mão de especialistas.

Há empresas atuantes no mercado capazes de entregar maquetes com alto grau realístico. Nelas, nunca é só um profissional responsável pela criação.

Os projetos são fruto de um trabalho em equipe, dada a complexidade das ilustrações.

Embora se trate de um investimento, vale lembrar que o sucesso de um lançamento imobiliário mora nos detalhes. Uma economia nessa hora pode custar vendas ou parceiros de negócios, conforme o seu objetivo.

Além disso, vale realizar cotações e traçar um comparativo com o custo que teria para mobiliar uma unidade para receber potenciais clientes. É bastante provável que o projeto virtual saia mais em conta.



VALORIZE O LANÇAMENTO COM A MAQUETE 3D


Neste artigo, apresentamos a maquete eletrônica 3D, suas principais indicações e vantagens.

Você viu que projetos tridimensionais podem ser perfeitos para agregar valor a lançamentos imobiliários.

Tudo começa na própria definição de cores, texturas e itens de acabamento, que podem ser testados no esboço virtual.

Mas as principais razões para você apostar na tecnologia são comerciais.

Seja para atrair parceiros ou investidores, para ações de marketing ou publicidade e também para comercializar as unidades, a maquete 3D atua a seu favor. Ela permite transformar em algo palpável aquilo que estava restrito ao papel.

E essa visibilidade que o projeto conquista pode ser decisiva para concretizar seus objetivos.

Dá para imaginar como a sua tarefa fica facilitada nesses casos, não é?

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe o artigo para que mais pessoas conheçam a maquete eletrônica 3D.



Sua Maquete Eletrônica Ltda., CNPJ: 29.827.934/0001-83

R. Leopoldo Couto de Magalhães Jr. 1442 Itaim Bibi São Paulo-SP

contato@suamaqueteeletronica.com.br | Tel: (11) 3136-0841 | Whatsapp: (11) 9.8133-0841

Acesse aqui nossos Termos & Condições 

  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle
  • LinkedIn - círculo cinza