Os 7 principais erros na construção de novos empreendimentos

Quando se trata de obras novas, o setor da construção civil tem como essencial definir um cronograma e mapear todas as etapas para evitar retrabalho e atrasos — que também implicam em gastos extras para a construtora ou incorporadora. Para evitar esses contratempos ao longo do seu trabalho, listamos neste post os 7 principais erros cometidos na construção de novos empreendimentos. Acompanhe!


#1 Má execução de planejamento


O planejamento para construção novos empreendimentos é o primeiro grande passo que deve ser dado pela sua construtora ou incorporadora. É com base nele que a sua equipe de engenharia e de campo irá se orientar para dar andamento à obra. No entanto, pode ser que muitas empresas não se atentem a esta etapa e acabam deixando seu cronograma à mercê.


Por isso, a dica que deixamos aqui é que você transfira o seu projeto de obra para alguma ferramenta onde você e a sua equipe possam acompanhar todos os momentos previstos e deixe registrado lá também aspectos relacionados às responsabilidades, atribuições, orçamentos e prazos a serem cumpridos, sempre alinhando tudo com a equipe. Assim ela poderá seguir um passo a passo já estabelecido e você não irá correr riscos de enfrentar atrasos na entrega ou maiores problemas ao longo do processo.


#2 Falta de definição de escopo


Quando o escopo do novo empreendimento não é bem desenhado e alinhado, falhas relacionadas a isso podem comprometer a qualidade e a agilidade da entrega da obra. Isso porque muitas vezes surgem grandes alterações no meio do trabalho que não estavam previstas e com as quais a equipe de campo precisa lidar, tentando ainda encaixar tudo nos prazos iniciais estabelecidos.


Para contornar este desafio, mantenha o cliente sempre a par de tudo que está previsto para a obra e busque fazer com que ele compreenda os custos envolvidos em mudanças de escopo e de ideias. É normal acontecer alterações, porém é importante que o cliente esteja ciente dos impactos financeiros e de tempo que elas podem causar e que esteja de acordo com isso para que seja dado seguimento.


#3 Falta de controle financeiro


Não realizar bons orçamentos e ter pouco controle da parte financeira da sua construção de novos empreendimentos também se configura em uma falha bastante recorrente. No início do seu planejamento consulte diferentes fornecedores e compreenda o que cada um oferece, e por qual valor. Aliado a isso, analise o custo-benefício das soluções e materiais: muitas vezes pode haver um fornecedor com entregas de menor custo, porém também com menor qualidade, e isso deve ser levado em consideração.


Uma dica boa para evitar erros nesta etapa é manter sempre um cadastro de bons fornecedores e ter opções B e C para caso o primeiro contrato apresente algum problema. Além disso, criar uma rotina de checagem da evolução dos gastos ao longo da obra para ter um controle mais efetivo também é uma boa alternativa.


#4 Não investir em mão-de-obra qualificada


Aqui estamos novamente batendo na tecla da qualidade. Por mais que os serviços de uma determinada equipe de operários possam estar mais baratos em relação a outros no mercado, é sempre válido analisar a especialização e qualificação técnica desses profissionais.


Do contrário, como ocorre em muitas obras, o trabalho pode apresentar significativa ineficiência operacional, além de não entregar os padrões previstos e isso se reverter em custos de refação ou maiores problemas de relacionamento com o cliente. Busque referências na hora de contratar a mão-de-obra e conte com as melhores equipes!


#5 Falhas de comunicação


Por mais que um projeto esteja bem planejado, orçado e alinhado, são muitas pessoas envolvidas e que precisam acompanhar o andamento da obra. Desde o cliente, passando pelo setor administrativo da construtora ou incorporadora, pelos arquitetos responsáveis pelo projeto, pelo engenheiro que lidera a obra, pelo mestre de obras e por todos os operários do canteiro.


Com tantas pessoas, haver falhas de comunicação pode ser um erro irreversível. Por isso, procure estabelecer canais e linguagens de comunicação que consigam manter todos na mesma página, atuando de forma integrada e complementar, e evitando duplas interpretações ou perda de informações. Uma boa dica para aplicar isso é por meio da documentação de todas as normas e processos a serem seguidas na construção de novos empreendimentos.


#6 Falta de manutenção preventiva no canteiro de obras


Outro erro muito comum na construção de novos empreendimentos é a falta de manutenção preventiva no canteiro de obras e de cuidado com as condições para trabalho dos operários. Por padrão, manutenções são realizadas para reparação de danos. Já a manutenção preventiva direciona o olhar para os equipamentos utilizados no canteiro de obra e para a infraestrutura disponibilizada, para analisar o grau de conservação e qualidade e evitar que haja falhas ou necessidade de paralisação das obras em algum momento por conta disso.


A falta de iluminação adequada também é um aspecto que deve ser levado em consideração sob esse ponto de vista, pois torna os operários menos alertas e produtivos e mais suscetíveis a falhas. Entra no aspecto da manutenção preventiva o controle dos materiais e das ferramentas, além do uso de EPIs pelos operários.


#7 Descumprimento das normas regulamentadoras


A segurança do canteiro de obras, levando em conta a dica anterior, deve ser a principal prioridade das construtoras e incorporadoras, pois sem o trabalho seguro e eficiente dos operários, não há entrega de obra. Por isso, descumprir as normas regulamentadoras do setor pode ser um grande erro na construção de novos empreendimentos.


Toda a equipe deve ser responsável pela segurança, tomando os devidos cuidados e medidas para que os equipamentos sejam utilizados da melhor forma possível, pois qualquer situação pode gerar grandes prejuízos humanos e materiais e prejudicar o andamento da obra. O gerenciamento de obras deve estar em dia com as normas de segurança e regulamentação, não é uma opção, mas uma obrigação.


Se você se identifica com algum desses erros, comece agora mesmo a mudar a sua história! Entre em contato com nossos consultores para saber mais e continue acompanhando os conteúdos do nosso blog!


Sua Maquete Eletrônica Ltda., CNPJ: 29.827.934/0001-83

R. Leopoldo Couto de Magalhães Jr. 1442 Itaim Bibi São Paulo-SP

contato@suamaqueteeletronica.com.br | Tel: (11) 3136-0841 | Whatsapp: (11) 9.8133-0841

Acesse aqui nossos Termos & Condições 

  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle
  • LinkedIn - círculo cinza